pdf

Título

CARACTERIZAÇÃO DOS IDOSOS LONGEVOS BENEFICIÁRIOS DE PLANOS DE SAÚDE NO BRASIL

Resumo

Feminização do envelhecimento evidente na faixa etária dos 80 anos ou mais. Maior taxa de mortalidade nos homens relacionada às doenças do aparelho circulatório: grande maioria ligada há hábitos de vida como bebida e fumo. Mulheres têm a maior taxa de cobertura dos planos privados: geralmente têm uma melhor percepção da saúde e realizam prevenção com mais frequência. População de 80 anos ou mais: apresentou as maiores taxas de cobertura dos planos privados seguindo a tendência do aumento do número de idosos no país. O Sudeste foi a região com maior taxa cobertura de longevos, e a capital Vitória, e não, o Rio de Janeiro que possui o maior número absoluto de idosos no Brasil. As causas de mortalidade na saúde suplementar são muito semelhantes à saúde pública, isto sugere estudos quanto à resolubilidade dos sistemas.

Autores

Darla Silvana Risson Ranna - Miriam Pilla Rosito - Ângelo J. G. Bós - Rodolfo H. Schneider

Publicação

XII Jornada Gaúcha de Geriatria e Gerontologia